Desafio Intel 2014: final da etapa Brasil é marcada por clima de colaboração


ed033_desafiointel

Na última quinta-feira, dia 05 de junho, aconteceu em São Paulo a final do Desafio Intel LAR 2014 – Etapa Brasil. Realizado pela Intel, a iniciativa conta com a correalização do Wenovate responsável pela metodologia, rede de mentores, avaliadores e banca final.

Em sua 9ª edição, o programa que surgiu como Desafio Brasil através de uma parceria com a FGV, mantém seu objetivo de fomentar o ecossistema e nesse ano novamente incentiva empreendedores de alto impacto que possuam negócios e soluções alinhadas à estratégia corporativa da Intel.  Com a contribuição do Wenovate, o evento esse ano foi marcado pela colaboração entre os finalistas e a rica troca de experiências incentivada através das atividades incluídas na programação.

O evento foi aberto por Steve Long, VP da Intel América Latina. “Empreendedorismo é parte do que somos, temos uma meta ambiciosa e certamente teremos que nos arriscar, ter perseverança e paixão para chegarmos lá”, ressaltou.

Na sequência, Ricardo Arantes, diretor de investimentos da Intel Capital, apresentou os números de Venture Capital da companhia no Brasil e no mundo. “A Intel Capital tem atualmente mais de 400 empresas no seu portfólio. No Brasil, em 14 anos de atuação, fizemos 20 investimentos e 8 saídas”, lembrou o executivo.

Em seguida os empreendedores do desafio deram início aos pitchs diante da banca avaliadora e demais participantes. Na banca estavam Bruno Rondani (Wenovate), Rafael Levy (Allagi), Gustavo Goldenberg (SPventures) e Rafael Campos (Effectua Capital). No total foram 9 finalistas a se apresentarem:

ed033_desafiointel21José Henrique Fernandes, da Bliive, falou sobre sua plataforma colaborativa de troca de tempo. Marques Zahdi e Luiz Gustavo Maia, da Antares, mostraram os detalhes de sua plataforma de jogos educativos. Os fundadores da Project Robot, Antonio H. Dianim e Felipe Leal, apresentaram o pitch sobre o empreendimento que desenvolve robôs com interface amigável, interatividade e design simpatizante. Na área de agrobusiness, Karin Cervera apresentou sua startup com Evandro Gomes, a AGVET. Juntos eles desenvolvem a ferramenta AIT para monitoramento do mercado agropecuário em real time. O empreendedor Ricardo Serro da startup Bons Treinos desenvolveu um aplicativo que mantém as pessoas fisicamente ativas e apresentou detalhes do negócio para os juízes da final do Desafio Intel 2014. Thiago Kist Gonçalves, CEO da Kist Company, e seu time apresentaram o Manago Live, uma tecnologia (equipamento all-in-one) para portabilizar e acessibilizar transmissões em live streaming. Celio Souza apresentou o pitch da Cherub, plataforma educacional para educação básica. Orlando Purim, da ATAR Technologies, explicou a inovação de sua tecnologia, o Atar Ring, um anel que substitui os itens que a pessoa carrega em seu bolso e senhas que precisa lembrar. Alexandre Kanas e Gabriel Liguori representaram a startup Adoleta, com um aplicativo que permite o acompanhamento da saúde da criança, integrando pais e filhos.

O grande vencedor foi a plataforma colaborativa Bliive, com sua proposta de “troca de tempo” entre usuários. Neste ambiente qualquer pessoa pode colocar seu tempo à disposição oferecendo horas de algo que saiba fazer e queira ensinar nas mais diversas áreas (esportes, idiomas, artes etc.). Ao disponibilizar seu tempo, o usuário adquire uma pontuação ou moeda de troca que pode ser utilizada para comprar horas de outro usuário. Mais informações podem ser acessadas em www.bliive.com. Ao final do evento todos os empreendedores que competiram receberam placas de finalistas.

Os 8 vencedores, um de cada país participante, se reunirão para o YouNoodle Camp no Vale do Silício em Julho de 2014, com viagem, hospedagem e bolsa de estudos pagos. Após esta viagem, os 5 vencedores ganharão também uma segunda oportunidade de vivenciar o ecossistema de empreendedorismo do Vale do Silício para participar do Intel Global Challenge na Universidade de Berkeley em Outubro de 2014.

Os semifinalistas criarão um grupo para que as experiências e conhecimentos do vencedor no Vale do Silício sejam compartilhados com os outros semifinalistas que não tiveram a oportunidade de ganhar a viagem.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>